Assessoria de Imprensa - VCG Empreendimentos

Parque das Artes, da VCG Empreendimentos, será relançado em Curitiba

Parque das Artes, da VCG Empreendimentos,  será relançado em Curitiba

Parque das Artes, da VCG Empreendimentos, será relançado em Curitiba

Após dois anos de paralisação, incorporadora curitibana vence disputa judicial por unanimidade e retoma o planejamento para execução das obras.

 

O Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR), por meio da 4ª Câmara Cível, acolheu nessa terça-feira (23/5), o pedido da VCG Empreendimentos buscando a suspensão da medida liminar concedida pela 2ª Vara da Fazenda Pública que determinava a paralisação das obras no empreendimento Parque das Artes, próximo ao Parque Barigui, em Curitiba.

 

A decisão unânime dos desembargadores, ou seja, três votos a zero, reafirmou que todas as licenças e alvarás referentes ao empreendimento, emitidos pela Prefeitura Municipal de Curitiba, estão de acordo com a legislação e as normas legais. O Tribunal deixou claro que inexiste qualquer ilegalidade no licenciamento realizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, uma vez que foram observados todos os critérios legais estabelecidos na legislação.

 

Para o sócio fundador da VCG Empreendimentos, Guilherme Vialle, a decisão encerra um impasse que vinha se arrastando há dois anos. “A partir de agora, a obra será retomada e adequada ao novo planejamento e daremos continuidade à comercialização das unidades restantes do empreendimento. Nas próximas semanas, teremos informações mais detalhadas sobre a retomada do cronograma de execução das obras do condomínio”, afirma. A decisão foi encaminhada para publicação no Diário Oficial.

 

Apesar da paralisação, Vialle informa que o empreendimento detém 30% das unidades vendidas, imóveis que foram comercializados no período de dois meses após o lançamento, no começo de 2015. “Apesar da restrição à comercialização das unidades do empreendimento, mantivemos o plantão de vendas ativo para continuar recebendo os clientes. Logo, diante da impossibilidade de venda, criamos uma lista de espera para atender as pessoas interessadas em adquirir as unidades restantes. Muitos estavam aguardando essa suspensão para assinar o contrato de compra e venda, atividade que vamos retomar”, ressalta.

 

Empreendimento – O Parque das Artes tem a proposta de aliar arte e natureza e será construído em um terreno de 66.734,70 m², próximo ao Parque Barigui, o mais frequentado de Curitiba, abrigando uma área natural preservada de 41 mil m². Ao todo, o condomínio terá 196 unidades entre Gardens (unidades térreas com terraço privativo) simples e duplex, unidades duplex e coberturas duplex, distribuídas em dois subcondomínios.

 

O primeiro, Escultores, conta com duas torres, e o segundo, Pintores, com cinco. As torres têm quatro andares e apresentam unidades de 1, 2, 3 e 4 quartos, entre apartamentos tipo, garden, duplex, coberturas e garden duplex. Cada uma das torres recebe o nome de importantes artistas que nasceram ou viveram no Paraná, com obras de arte decorando as áreas comuns.

 

Os moradores do Parque das Artes também terão à disposição um casarão antigo que foi transformado em Unidade de Interesse de Preservação (UIP). A Casa das Artes terá ênfase na valorização da cultura e vai abrigar obras de artistas paranaenses, além de servir como área de uso comum, compreendendo espaços como galeria de arte, biblioteca e sala de estudos.

 

O empreendimento garantiu à VCG Empreendimento o prêmio Top de Marketing 2015, promovido pela Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB-PR), na categoria Mercado Imobiliário. Realizado desde 1972, é um dos mais importantes selos de qualidade empresarial do Brasil e reverencia as empresas que apresentam as melhores estratégias, práticas e resultados em seus segmentos.

COMENTE E COMPARTILHE NO FACEBOOK